segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

'Nenhum juiz de Sintra interveio no caso da idosa morta há nove anos'

Na Rádio Renascença: "O Conselho Superior da Magistratura garante que nenhum juiz do Tribunal de Sintra foi chamado a pronunciar-se sobre o caso da idosa que esteve morta em casa durante cerca de nove anos, em Rio de Mouro. À Renascença, o órgão de gestão dos juízes explica que, depois de algumas averiguações, concluiu que não há registo de qualquer intervenção de um juiz neste caso. Nunca terá sido levado a qualquer magistrado qualquer pedido de diligência." [notícia integral]

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.