quarta-feira, 22 de junho de 2011

Guiné Equatorial: libertados os sete prisioneiros adoptados pelo Grupo de Sintra da Amnistia Internacional

No BLOG 19: "Todos os sete prisioneiros de consciência que a Amnistia Internacional Portugal – Grupo 19 adoptou na Guiné Equatorial foram libertados, acaba de confirmar a AI, em Londres. Gerardo Mangue Offeso, Cruz Obiang Ebele, Emiliano Esono Micha, Gumersindo Ramírez Faustino y Juan Ecomo Ndong, e ainda Florencio Elá Bibang, Antimo Edú, viram as suas condenações perdoadas. Na verdade nenhum deles, de acordo com as investigações da Amnistia Internacional, cumpria uma pena justa. Todos estavam presos apenas por exercerem legítimos direitos de cidadania e de oposição ao regime do Presidente Teodoro Obiang Nguema." [post integral]

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.