quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

'Redução das receitas com transporte de doentes não urgentes chega a 70%'

Na Lusa: "Os bombeiros de Sintra e Amadora tiveram uma redução de 70 por cento das receitas com o transporte de doentes não urgentes desde que as novas regras de pagamento entraram em vigor, disseram hoje responsáveis do setor. "A alteração das regras do serviço de transporte de doentes não urgentes implicou uma drástica redução de receitas que, em muitos casos, chega a 70 por cento dos valores auferidos antes da entrada em vigor das referidas regras de pagamento", disse hoje José Marques, do Secretariado das Associações dos Concelhos de Sintra e Amadora numa conferência de imprensa." [notícia integral] [noticia na Antena1 e na Rádio Ocidente]

Notícias relacionadas:
Bombeiros de Sintra e Amadora suspendem transporte de doentes não urgentes a partir de quarta-feira
'Bombeiros vão suspender transporte não urgente de doentes'
'Corporações suspendem transporte de doentes não urgentes a partir de dia 4'

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.