quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Governo quer acabar com metade das freguesias da Grande Lisboa

A proposta de lei sobre a reorganização administrativa territorial autárquica poderá significar o fim para metade das actuais freguesias dos concelhos da Grande Lisboa. Segundo uma análise preliminar que circula pelas estruturas partidárias do PSD (anexa), o Governo prepara-se para cortar 76 das actuais 153 freguesias, ficando estas autarquias locais reduzidas a 77 (o documento inclui ainda a Azambuja, município que não pertence à Grande Lisboa)

Além de Lisboa, que vê reduzido o número de freguesias de 53 para 24, Loures e Sintra são os concelhos mais afectados com esta proposta de reforma administrativa, perdendo ambos nove freguesias. Segue-se a Amadora e Mafra, com menos seis, e Oeiras e Vila Franca de Xira com menos cinco. O documento não elenca as freguesias a "aglomerar", mas estabelece metas mínimas de redução "de 55% do número de freguesias cujo território se situe, total ou parcialmente, no mesmo lugar urbano ou em lugares urbanos sucessivamente contíguos, e de 35% do número das outras freguesias".

© Luís Galrão/TudosobreSintra

Reorganização Administrativa Territorial Autárquica - Grande Lisboa
Notícias relacionadas:
Marco Almeida: 'Reorganizar freguesias!?'
Reforma Administrativa: Sintra pode perder quase metade das freguesias

1 comentário:

  1. 'Picado' aqui; http://www.noticiasgrandelisboa.com/2012/02/09/regiao-da-grande-lisboa-vai-perder-metade-das-freguesias/

    ResponderEliminar

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.