sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Junta de São Martinho promove "Encontros com a População" contra a extinção da freguesia

A Junta de Freguesia de São Martinho, Sintra, vai promover um ciclo de "encontros com a população" para discutir os "efeitos mais nefastos" da reforma administrativa territorial autárquica. "Visto que o Governo não deu a respectiva possibilidade democrática de ouvir quem de direito, iremos nós, junta de freguesia, dar voz à nossa população para que a sua voz se faça ouvir junto de que tem de decidir", explica o presidente Fernando Pereira.

Segundo o autarca, a iniciativa pretende "esclarecer a população" e "prestar contas" sobre o que o executivo tem feito para "que São Martinho continue a ser tal como até aqui uma das 20 freguesias do concelho de Sintra." Os encontros terão lugar em todas as localidades da freguesia, com o seguinte calendário:

JANAS: Janas Futebol Clube - dia 1 de outubro às 21h;
NAFARROS: União Desportiva e Cultural de Nafarros - dia 2 de outubro às 21h;
VÁRZEA DE SINTRA: Sociedade Recreativa da Várzea de Sintra - dia 3 de outubro às 21h;
GALAMARES: Grupo Desportivo e Cultural de Galamares (junto à Adega do Cozinheiro) - dia 4 de outubro às 21h;
VILA - CENTRO HISTÓRICO: Sociedade União Sintrense - dia 8 de outubro às 21h. [Fonte: Junta de Freguesia de São Martinho]

Notícias relacionadas:
Cacém também diz "não à extinção por agregação" da freguesia
Monte Abraão rejeita "extinção" e Fátima Campos sugere boicote às autárquicas
Decisão “histórica” em São Marcos contra a "extinção por agregação da freguesia"
Agualva e São Pedro também dizem não à “extinção” das freguesias
Terrugem diz não à "extinção por agregação"
Montelavar reitera oposição à "extinção" da freguesia
São Martinho rejeita "extinção por agregação" da freguesia
Queluz contra a reforma administrativa mas sem consenso
Massamá e Almargem do Bispo dizem não à agregação das freguesias
Assembleia de Freguesia de Pêro Pinheiro rejeita fusão com Montelavar

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.