terça-feira, 6 de novembro de 2012

'Segurança: Esticões e furtos assustam maior freguesia de Portugal'

No Correio da Manhã: "Hoje em dia, os ladrões não roubam apenas, fazem também mal às pessoas. Não há respeito pela vida." Maria Teresa Marques, de 74 anos, chegou a esta conclusão depois de um assaltante lhe ter apontado uma faca ao pescoço, há cerca de dois anos, à porta de sua casa. "Gritei e ele acabou por ser apanhado." Mas a moradora de Algueirão também já ficou sem um fio de ouro num dos pontos sensíveis da zona: o túnel da estação de comboios, que liga Algueirão a Mem Martins: "Aí levaram-me o fio de ouro quando eu ia com uma amiga. Foi tudo tão rápido que nem vi a cara dele. A partir daí, tive que deixar de usar ouro". [notícia integral]

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.