quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

CDU reitera críticas à fusão das empresas municipais e apela à mobilização



A CDU reuniu ontem com trabalhadores da Câmara de Sintra e das várias empresas municipais para discutir e voltar a criticar a proposta de fusão das empresas EDUCA, Sintra Quórum, HPEM e SMAS, que será apresentada hoje na reunião do executivo. O encontro serviu para "reiterar as preocupações já antes manifestadas sobre o conteúdo e objectivos do projecto, imposto de supetão e sem que os trabalhadores tenham sido alguma vez ouvidos" e para recolher contributos para uma proposta alternativa.

Aos trabalhadores presentes, a CDU garantiu "que tudo fará para impedir o avanço da proposta com a chancela do PSD/CDS e alertou que aquela tem como objectivo último privatizar os serviços públicos prestados, facto que, a concretizar-se, seria francamente prejudicial para a sua qualidade e colocaria em risco os direitos e os postos de trabalho." Nesse sentido, foi feito um apelo "à mobilização de trabalhadores e munícipes para que, desde já, derrotem o propósito privatizador dos serviços públicos que a Coligação Mais Sintra quer impor." [Fonte: CDU Sintra]

Notícias relacionadas:
Marco Almeida lamenta "desinformação" e garante manutenção de empregos
'Câmara de Sintra discute fusão de empresas municipais'

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.