quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Sindicato acusa Kraft Foods de Mem Martins de "abuso e prepotência" sobre trabalhadores

O Sindicato dos Trabalhadores da Agricultura e das Indústrias de Alimentação, Bebidas e Tabacos de Portugal (SINTAB) acusou hoje a Kraft Foods "de abuso e prepotência exercida sobre os trabalhadores da empresa em Mem Martins". "A administração pretende impor a realização de trabalho suplementar em condições menos favoráveis das que estão consagradas no contrato colectivo do sector, mas como alguns trabalhadores não aceitaram abdicar dos seus direitos contratuais, a administração, em forma de retaliação, colocou-os numa sala, alegando não ter trabalho para os mesmos, o que não é verdade", revela o sindicato. O SINTAB solicitou entretanto a intervenção da Autoridade para as Condições do Trabalho ACT) "para que a legalidade seja reposta" nesta empresa da indústria alimentar do sector da bolacha, que emprega mais de uma centena de trabalhadores em Mem Martins. [Fonte: SINTAB]

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.