terça-feira, 19 de março de 2013

CDU: "Nenhum CATUS será encerrado no concelho de Sintra" mas faltam médicos


Pedro Ventura e Rui Monteiro, da CDU, reúnem com direcção da ACES Sintra © CDU

A CDU apurou junto do director do Agrupamento de Centros de Saúde de Sintra (ACES Sintra) que não está previsto encerrar qualquer Centro de Atendimento e Tratamentos Urgentes (CATUS) no concelho, como denunciado recentemente pelo PS de Agualva-Cacém. "Obtivemos a garantia por parte do Dr. Vítor Cardoso de que nenhum CATUS será encerrado, mas existem perspectivas negras relativamente ao seu funcionamento aos domingos e feriados, resultante da falta de médicos", alerta a CDU, que considera "urgente proceder ao reforço de médicos, de forma a dar resposta aos perto de 100 mil utentes sem médico de família, bem como ao funcionamento dos CATUS todos os dias de semana."

Em comunicado, a CDU justifica que "esta exigência, para além de antiga, torna-se absolutamente premente quando sabemos que o concelho apresenta dos piores registos da região de Lisboa e Vale do Tejo em áreas tão diferente como a prevalência de Cancro da mama, diagnóstico de diabéticos ou novos casos de HIV/SIDA, entre outras", alerta a CDU, que defende igualmente a melhoria das condições dos centros de saúde existentes, "que em larga escala se encontram em péssimo estado de conservação e manutenção".

A CDU lamenta também o encerramento das extensões do Centro de Saúde de Almargem do Bispo. "Foi-nos confirmado que apenas uma ficará em funcionamento, mas a CDU não se conforma com esta situação e tudo faremos para a reverter. Este é um bom exemplo da redução de investimento nos cuidados de saúde primários, deixando populações inteiras sem acesso ao serviço nacional de saúde, uma vez que todos sabemos da inexistência de transportes públicos entre as diversas localidades da freguesia", revela Pedro Ventura, vereador e cabeça de lista da CDU às próximas autárquicas. [Fonte: CDU]

Notícia relacionada:
Socialistas lançam petição contra encerramento do CATUS de Agualva-Cacém

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.