quarta-feira, 23 de outubro de 2013

'Chega ao fim julgamento do jovem acusado de matar o pai em nome dos irmãos'

No PÚBLICO: "Foi um julgamento curto — duas sessões apenas, a primeira no dia 2 deste mês, a segunda no dia 9. O arguido, acusado de ter tirado a vida ao pai, remeteu-se sempre ao silêncio. Dois dos seus irmãos, um dos quais menor, recusaram-se a prestar declarações. Um terceiro, também menor, não compareceu sequer no tribunal. H., de 21 anos, chegou acusado de homicídio qualificado — punível com pena de 12 a 25 anos de prisão. Mas, conta o advogado de defesa, o Ministério Público reconheceu, entretanto, que não conseguiu fazer prova de que, de facto, tenha sido ele a disparar naquela noite escura, quando estava acompanhado pelos irmãos. Esta quarta-feira é lida a sentença." [notícia integral]

Notícia relacionada:
'Ministério Público pede absolvição de jovem que matou pai a tiro'

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.