quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Libertados os quatro angolanos adoptados pelo Grupo de Sintra da Amnistia Internacional

O Grupo 19 | Sintra da Amnistia Internacional Portugal anunciou hoje a libertação de Domingos Henrique, José Muteba, António da Silva Malendeca e Sebastião Lumani, militantes de uma organização angolana que defende a autonomia da região Lunda-Tchokwe. Segundo a AI, "os quatro estavam arbitrariamente detidos", razão pela qual foram "adoptados como prisioneiros de consciência". "As libertações ocorreram ontem, dia 13, tendo sido anunciadas hoje. Para elas concorreu o esforço de vários grupos da AI, um deles alemão, com quem a estrutura sintrense estava a trabalhar conjuntamente", explica o Grupo 19 através do Facebook.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.