terça-feira, 26 de novembro de 2013

'Tribunal de Sintra volta a ouvir jovem que atacou colegas na escola de Massamá'

No PÚBLICO: "Há seis semanas que está internado num centro educativo do Estado, em regime fechado. Não pode ir à escola. Tem tido tempo para pensar — e começa a ficar preocupado com o facto de estar a perder aulas. O jovem de 15 anos que, a 14 de Outubro, feriu com uma faca de cozinha dois colegas e uma funcionária, na Escola Secundária Stuart de Carvalhais, em Massamá, tem sido alvo de acompanhamento por parte de um psicólogo forense. Era para ser ouvido pelo tribunal apenas em Janeiro, para uma primeira avaliação da medida que lhe foi aplicada depois de um ataque que, segundo disse na altura, pretendia imitar o massacre de Columbine. Mas, afinal, será feito um primeiro ponto de situação já nesta terça-feira." [notícia integral]

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.