quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Fadista monárquico Nuno da Câmara Pereira volta a candidatar-se a Sintra

[Actualizado] O fadista e ex-presidente do Partido Popular Monárquico (PPM), Nuno da Câmara Pereira, vai voltar a candidatar-se à Câmara de Sintra, desta vez como independente. "Sou candidato. Vou criar uma plataforma de cidadania, sem caciques nem notáveis, de resposta da sociedade civil à insatisfação e ao estado impróprio em que se encontra a política", afirmou hoje à agência Lusa. Nuno da Câmara Pereira avança ainda que irá convidar alguns pequenos partidos como o Partido Nova Democracia (PND), o Partido da Terra (MPT), do qual foi fundador, e o Partido Democrático do Atlântico (PDA).

Nuno da Câmara Pereira candidatou-se pela primeira vez à Câmara de Sintra em 1993, com o movimento de cidadãos "Entre as Cidades e as Serra", integrado no MPT, conquistando apenas 1463 votos nas eleições que deram a primeira vitória à socialista Edite Estrela. Mais tarde, pouco antes das autárquicas de 2001, envolveu-se em polémica com a ainda presidente Edite Estrela, após acusar a autarquia de ser "uma das mais corruptas do país". Já foi deputado do PPM na Assembleia da República (nas listas do PSD) e actualmente é assessor de comunicação na empresa municipal HPEM. [notícia no Correio da Manhã, no ionline, no Jornal da Região, na Rádio Ocidente e na TVI24] [Foto: Nuno da Câmara Pereira]

'Filipe Santos apresenta demissão da concelhia do PSD'

No Cidade Viva: "Filipe Santos, vice-presidente da concelhia do PSD de Sintra e presidente da junta de freguesia de Rio de Mouro, apresentou ontem também a sua demissão daquele órgão. Esta demissão segue-se à do presidente daquela estrutura José Faustino." [notícia integral] [notícia na Rádio Ocidente]

Notícias relacionadas:
Crise no PSD Sintra: José Faustino demite-se após acusações de irregularidades no acordo político com o CDS-PP
Acordo "irregular" com o CDS-PP leva a 10 demissões na concelhia do PSD
Crise na concelhia do PSD devido ao apoio "irregular" ao candidato Pedro Pinto

Fernando Seara espera que Sintra resolva 80% dos bairros clandestinos até 2014

A Câmara de Sintra espera legalizar a maioria das áreas urbanas de génese ilegal (AUGI) até 2014, revelou ontem o presidente Fernando Seara. “Temos um conjunto de 15 AUGI que estão em processo avançado e temos outras 21 que foram objecto de reconversão para loteamento, além das que foram desclassificadas ou que aguardam a reclassificação da Rede Ecológica Nacional (REN) e da Rede Agrícola Nacional (RAN), pelo que teremos condições para num espaço de ano e meio resolver 80% das AUGI identificadas no concelho”, disse o autarca durante o lançamento das obras de urbanização da AUGI de Nossa Senhora dos Enfermos, em Camarões, freguesia de Almargem do Bispo (ver entrevista).



A autarquia irá investir globalmente mais de 3 milhões de euros, mas a maior fatia caberá aos proprietários, que terão de suportar 70% das obras necessárias à legalização. Para os mais de mil moradores a AUGI de Camarões, o início das obras é visto com satisfação, mas o presidente da junta de Almargem do Bispo recorda outras situações que continuam por resolver. "Inicia-se uma nova esperança para que sejam dadas novas condições de vida às populações que residem nestas áreas, que são bastante extensas e com muita população que tem direito a ter as infra-estruturas básicas como água e saneamento básico", considerou Rui Maximiano, que recordou que a freguesia tem 27 das mais de 100 AUGI do concelho (ver entrevista). [notícia no Jornal da Região, no Notícias ao Minuto e no PÚBLICO]


© Luís Galrãso/Tudo sobre Sintra

Notícia relacionada:
Câmara lança requalificação e legalização de bairro clandestino em Camarões

Utopia Teatro estreia «Harry Edward Catarina»

Estreia dia 7 de Fevereiro, na Casa de Teatro de Sintra, o novo trabalho do Utopia Teatro, "Harry Edward Catarina", com texto e encenação de Nuno Vicente. Os três personagens são interpretados por Pedro Mendes, Sérgio Moura Afonso e Susana C. Gaspar. "Catarina ama Edward. Harry ama Edward. Edward não sabe se ama... Três personagens a fugir da morte. Três personagens a correr para a morte. De quem será o sangue que corre para o mar?". Para ver de 7 a 17 de Fevereiro, de quinta a domingo, às 21h30. Informações e reservas: 96 624 79 34 ou geral@utopiateatro.com. [Fonte: Utopia Teatro]

'Máfia brasileira ataca comércio'

No Correio da Manhã: "Pistola em punho, três mestres e professores de artes marciais, dois brasileiros e um português, aterrorizaram um comerciante em Sintra. Foi ameaçado de morte – o grupo queria obrigá-lo a contratar os seus serviços de segurança privada no estabelecimento." [notícia integral] [notícia no Jornal da Região e na LOCAL.PT]

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Crise no PSD Sintra: José Faustino demite-se após acusações de irregularidades no acordo político com o CDS-PP

O presidente da concelhia de Sintra do PSD, José Faustino, pediu hoje a demissão através de um email. A informação foi avançada à agência Lusa pelo presidente da mesa da concelhia, Eduardo Casinhas, que acrescentou ter também recebido a renúncia de mais um vogal. Na semana passada, outros 10 elementos apresentaram a demissão devido a alegadas irregularidades no acordo político para as próximas autárquicas celebrado recentemente entre a concelhia social-democrata e a concelhia do CDS-PP. [notícia no Cidade Viva, no Destak, no Diário Digital e na SIC Notícias]

Notícias relacionadas:
Acordo "irregular" com o CDS-PP leva a 10 demissões na concelhia do PSD
Crise na concelhia do PSD devido ao apoio "irregular" ao candidato Pedro Pinto

Moradores da Tapada das Mercês exigem que o novo PDM traga mais áreas de recreio e lazer



[Actualizado] A Associação de Moradores da Tapada das Mercês vai promover uma petição para que seja alterado o Plano Director Municipal (PDM), actualmente em início de revisão. "Chegou a altura de exigirmos o que ninguém soube gerir da parte Câmara e da Junta: qualidade de espaços para a comunidade da Tapada das Mercês", afirmam os promotores. A primeira iniciativa de recolha de assinaturas terá lugar no próximo sábado, dia 2 de Fevereiro, entre as 10h e as 19h, no Mercado da Tapada das Mercês.

No texto da petição, os moradores "propõem a alteração à classificação do terreno situado na zona norte da Tapada das Mercês, da actual classificação de "urbano" para a classificação "área preferencial para recreio e lazer". A Associação justifica o pedido com "o elevado índice de construção e a inexistência de espaços verdes, lazer e recreio associados à elevada densidade populacional", situação que "provocou, nos últimos anos, uma degradação da qualidade de vida dos moradores, comerciantes e utentes." [Fonte: Associação de Moradores da Tapada das Mercês]

No âmbito da consulta pública sobre a revisão do PDM, a Junta de Freguesia de Algueirão-Mem Martins vai realizar no 9 de Fevereiro, sábado, pelas 15h, na Escola dos Castelinhos, uma sessão pública com a presença do arquitecto Carlos Pinto, técnico municipal responsável pela Divisão do PDM. Este primeiro período de participação pública preventiva tem final previsto para dia 11 de Fevereiro, mas o executivo deverá prolongar o prazo (segundo o Gabinete de Comunicação da autarquia, a decisão deverá ser tomada na próxima reunião de câmara). [notícia no Jornal da Região e na Rádio Ocidente (via Lusa)]

© Tudo sobre Sintra

Notícias relacionadas:
Freguesias promovem sessões sobre a revisão do PDM de Sintra
Entrevista: Câmara de Sintra espera rever o Plano Director Municipal até 2015
Algueirão-Mem Martins, Colares e São Martinho debatem revisão do PDM
Algueirão-Mem Martins discute propostas para a revisão do Plano Director Municipal de Sintra

Câmara lança requalificação e legalização de bairro clandestino em Camarões

O presidente da Câmara lança esta tarde a primeira pedra das obras de reconversão e do processo de legalização da área urbana de génese ilegal (AUGI) de Nossa Senhora dos Enfermos, situada em Camarões, na freguesia de Almargem do Bispo. A iniciativa surge quase 10 anos depois de Fernando Seara ter despachado favoravelmente o licenciamento da operação urbanística, e seis anos depois de ter licenciado as obras de urbanização. "Com o arranque destas obras vai ser possível requalificar urbanisticamente a AUGI nº 37, tornando-a num espaço funcional e qualificado para a função predominantemente residencial e concretizar a legalização da propriedade através da constituição de lotes particulares e de áreas a ceder ao domínio público para equipamentos colectivos", explica a autarquia.

A intervenção nesta AUGI, uma das maiores do concelho com cerca de um milhar de habitantes, prevê a criação de "uma estrutura viária que, apesar dos constrangimentos topográficos e compromissos urbanísticos, vai melhorar significativamente a acessibilidade; uma rede de espaços de pequena/média dimensão para instalação de equipamentos de utilização colectiva (mantendo-se o espaço destinado às festividades de Nossa Senhora dos Enfermos); e uma ocupação edificada de baixa densidade dada pela construção/manutenção de habitação uni/bifamiliar por lote." O concelho de Sintra tem ainda por resolver mais de uma centena de AUGI. [Fonte: Câmara de Sintra] [ver deliberação da autarquia sobre a AUGI de Nossa Senhora dos Enfermos] [notícia no Notícias Grande Lisboa]

Jornal da Região - 30 de Janeiro

A última edição do Jornal da Região destaca que "Sintra recupera do temporal" e que "PSD e CDS renovam coligação" para as próximas autárquicas. [edição em PDF]

Tertúlia Sintrense com António Pedro Vasconcelos [nova data]

Realiza-se dia 6 de Fevereiro, às 20h, no restaurante Sopa D`Avó, mais uma Tertúlia Sintrense, desta vez com a presença do realizador de "Perdido por Cem...", "O lugar do morto", "Jaime" e "A Bela e o Paparazzo". "Professor universitário, comunicador envolvente e apaixonado, António Pedro Vasconcelos é um homem que tem muito a dizer e a partilhar com quem o ouve. Conversar com ele vai ser um grande prazer em mais um jantar da Tertúlia Sintrense." Inscrições: 21 923 85 99. [Fonte: Câmara de Sintra]

Aviso: interrupção do abastecimento de água na freguesia de S. João das Lampas

Os Serviços Municipalizados de Sintra informam que no dia 1 de fevereiro, sexta-feira, devido a ligações à rede de abastecimento, será interrompido o fornecimento de água entre as 9h e as 11h, afectando a EN 247 (da Estrada de Carne Assada até à Estrada do Concelho) e a Rua das Palmeiras, na freguesia de S. João das Lampas. [Fonte: SMAS]

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Junta de Freguesia de Casal de Cambra denuncia actos de vandalismo


[Fotos: Junta de Freguesia de Casal de Cambra]

Voltaram a registar-se actos de vandalismo no espaço público de Casal de Cambra, denuncia a junta de freguesia. Uma das zonas afectadas foi o Jardim das Escadinhas, onde foram destruídos os bancos. "A recuperação está em mente deste executivo, embora se possa vir a ter alguma ponderação da forma como vai ser feito, no entanto para todos os que não gostam e não merecem de ver estas situações, esperamos que compreendam e nos alertem quando se aperceberem dos causadores dos mesmos", apela a autarquia, que lamenta a "as faltas de bom senso, educação e acima de tudo respeito por todos os que trabalham e descontam".



Outra situação de distúrbios e vandalismo ocorreu na noite de 12 de Janeiro, na Av. de Santa Marta, com a viragem de 15 contentores cheios de lixo (ver mais fotos). Neste episódio o carro de recolha da empresa municipal HPEM "foi impedido por duas vezes, através de apedrejamento, de fazer a recolha do lixo, não sendo possível o trabalho ser efectuado", revela a autarquia. A situação foi resolvida posteriormente pelos vogais do Executivo com a ajuda dos funcionários da junta. [Fonte: Junta de Freguesia de Casal de Cambra]

© Tudo sobre Sintra

Notícia relacionada:
Autarquias denunciam actos de vandalismo em Casal de Cambra e Montelavar

Algueirão-Mem Martins recebe VI Grande Prémio de Atletismo e III 'Caminhada Gerações'

Realizam-se dia 17 de Fevereiro, domingo, a VI edição do Grande Prémio de Atletismo de Algueirão-Mem Martins e a III 'Caminhada Gerações', iniciativas organizadas entre a Junta de Freguesia e a Real Academia, com o apoio técnico da Xistarca. A corrida tem uma extensão de 10 Km e podem participar atletas federados ou não, bastando proceder à inscrição, que custa 7,5 euros até dia 8 de Fevereiro, e 10 euros entre 9 e 15 de Fevereiro.


Percurso do VI Grande Prémio de Atletismo de Algueirão-Mem Martins

Já a 'Caminhada Gerações' terá uma extensão de apenas cinco quilómetros e as inscrições custam 10 euros por família (ex. avô, filho e neto) e 7,5 euros para inscrições individuais (até dia 8, data a partir da qual o preços sobrem para 15 e 10 euros, respectivamente). Mais informações e inscrições na página da Xistarca. [Fonte: Junta de Freguesia de Algueirão-Mem Martins]

'Equipa do centro de emprego protegido do CECD participa na limpeza do Parque da Pena'

No Jornal da Região: "A equipa da Curva Quatro (Centro de Emprego Protegido do CECD Mira Sintra) marcou presença na acção de limpeza do Parque da Pena, promovida pela Parques de Sintra – Monte da Lua, no passado sábado, dia 26." [notícia integral]

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Acção de voluntariado no Parque da Pena supera as expectativas



A acção de voluntariado coordenada pela Parques de Sintra no passado Sábado para limpar o Parque de Pena, assolado pelo temporal de 19 de Janeiro, esgotou as inscrições em 24 horas e contou com 200 participantes, que limparam uma área de 3,5ha, incluindo mais de 2km de caminhos. Segundo a empresa, "várias centenas de pedidos de inscrição tiveram que ser recusados devido a critérios de segurança dos participantes."

O temporal afectou 75 dos 85 hectares do Parque da Pena, mas "os voluntários conseguiram limpar 4% desta área (3,5ha), depois do corte de árvores e ramos maiores, por parte dos técnicos da Parques de Sintra, durante a semana anterior". Em termos de resíduos recolhidos, os voluntários ajudaram a remover cerca de 18m3 de folhas, arrumaram 160m3 de ramas em pilhas e apoiaram a produção de aproximadamente 12m3 de estilha (os 160m3 de ramas serão estilhaçados durante os próximos dias).

Foram também desimpedidas centenas de metros de valetas, permitindo que a água voltasse a circular, e varrida grande parte dos mais de 2 km de caminhos nos quais os voluntários trabalharam. Durante as próximas semanas os técnicos da Parques de Sintra continuarão a trabalhar no corte e remoção das árvores caídas, bem como nas limpezas e, no próximo Outono, será possível dar início ao processo de reflorestação.

A Parques de Sintra "agradece às centenas de cidadãos que se disponibilizaram para apoiar nesta ação de voluntariado, e destaca o entusiasmo e dedicação com que todos os participantes se dedicaram a esta acção." [Fonte: PSML]

Notícias relacionadas:
'Voluntários limparam a serra de Sintra'
Vídeo: Temporal deixa rasto de devastação na serra de Sintra

Freguesias promovem sessões sobre a revisão do Plano Director Municipal de Sintra


Sessão promovida no dia 17 em São João das Lampas © Luís Galrão/Tudo sobre Sintra

[Actualizado] Continuam a decorrer as reuniões de esclarecimento sobre o processo de revisão do Plano Director Municipal (PDM) de Sintra, actualmente em fase de consulta pública preventiva até dia 11 de Fevereiro. As próximas freguesias a promoverem sessões em parceria com a Divisão Municipal do PDM, são:

Pêro Pinheiro, dia 29 (terça-feira), às 21h, na Sociedade Filarmónica Recreativa;

Colares: dia 31 de Janeiro (quinta-feira), às 21h, nas instalações da junta de freguesia;

Santa Maria e São Miguel, dia 2 de Fevereiro (sábado), às 15h, nas instalações da junta de freguesia;

Montelavar, dia 5, às 21h, na Sociedade Filarmónica Montelavarense.

São Pedro de Penaferrim, dia 7, às 21h, nas instalações dos Bombeiros Voluntários de São Pedro de Sintra.

Algueirão-Mem Martins, dia 9 de Fevereiro, às 15h, na Escola dos Castelinhos.

Agualva-Cacém, dia 12,  às 21h, na Escola Secundária Ferreira Dias. [Fonte: Câmara de Sintra]


Saiba mais sobre o processo nesta entrevista ao arquitecto Carlos Pinto, chefe da divisão municipal responsável pela revisão do PDM (clique para ouvir):

1. Em que fase do processo estamos e quanto tempo demorará esta revisão do Plano Director Municipal (PDM) de Sintra?


2. Em que medida a reforma administrativa pode afectar o processo? 


3. Na prática, o que é que esta revisão pode trazer para a população? Correcção de erros do actual PDM?


4. Ouve-se muito a queixa de que os filhos da terra não podem fazer cá as casas e têm de sair. É assim?


5. Quais são as principais queixas em relação ao actual PDM?


6. O actual PDM foi apelidado de "plano do betão", concorda? Há o risco do próximo também ser?


Notícias relacionadas:
Entrevista: Câmara de Sintra espera rever o Plano Director Municipal até 2015
Algueirão-Mem Martins, Colares e São Martinho debatem revisão do PDM

'Sintra: Dívida ultrapassa os cem milhões'

No Correio da Manhã: "A dívida da Câmara de Sintra ascendeu, no ano passado, a 100,6 milhões de euros, 90% da qual referente ao financiamento bancário. Apesar do elevado endividamento, a autarquia diz ter as dívidas a fornecedores regularizadas desde agosto." [notícia integral]

Aviso: suspensão no abastecimento de água em Olelas

Os SMAS-SINTRA informam que no dia 29 de Janeiro, terça-feira, devido a trabalhos de limpeza e desinfecção na Estação Elevatória de Olelas, será suspenso o abastecimento de água, entre as 9h e as 11h, afectando a localidade de Olelas, na freguesia de Almargem do Bispo. [Fonte: SMAS]

domingo, 27 de janeiro de 2013

'Advogadas criticam magistrados por comentarem caso da mulher a quem retiraram 7 filhos'

No SOL: "As advogadas da mulher a quem foram retirados sete dos dez filhos pela Segurança Social condenaram hoje alguns magistrados por fazerem declarações públicas sobre aquele processo, que ainda está pendente e é "confidencial". As principais criticas das duas juristas são dirigidas à presidente do Tribunal de Sintra, Rosa Vasconcelos, à representante da associação sindical dos magistrados, Maria José Costeira, e ao representante do Conselho Superior de Magistratura." [notícia integral]

Notícia relacionada:
'Membro do Conselho Superior da Magistratura questiona fundamentos para retirar crianças a Liliana Melo'

'Fernando Seara avança em Lisboa: «Não era altura para desertar»'

No Diário Digital: "O presidente da Câmara Municipal de Sintra, Fernando Seara, anunciou, em entrevista à TSF e ao DN, que só aceitou avançar para tentar conquistar a autarquia de Lisboa, nas próximas eleições autárquicas, que vão ocorrer em Outubro do corrente ano, depois de persuadido por Pedro Passos Coelho e Paulo Portas." [notícia integral]

'As escolhas de Fernando Seara'



Na SIC: "Fernando Seara é o presidente da Câmara de Sintra desde 2001 e ontem anunciou que quer ser o presidente da Câmara de Lisboa ainda este ano. Nasceu há 56 anos em Viseu mas veio cedo para a capital, onde acabou por se licenciar em Direito. Fomos conhecer melhor o autarca, que se assume benfiquista."

'Voluntários limparam a serra de Sintra'



Na RTP: "O mau tempo da semana passada provocou estragos na Serra de Sintra e [ontem] foi dia de limpezas. Duzentos voluntários passaram várias horas a tentar devolver ao Parque da Pena a beleza de sempre."

Notícias relacionadas:
'Duzentas pessoas participam na limpeza do Parque da Pena'
'Castelo dos Mouros e Convento dos Capuchos reabrem ao público'
Parques de Sintra convida voluntários para apoio na limpeza do Parque da Pena
Vídeo: Temporal deixa rasto de devastação na serra de Sintra

Secretário-geral do PS traz "Laboratório de Ideias" a Sintra



A sala Acácio Barreiros do Centro Cultural Olga de Cadaval vai acolher no dia 3 de Fevereiro, pelas 15h, uma sessão pública do Laboratório de Ideias e Propostas para Portugal (LIPP) sobre "Desenvolvimento Económico e Criação de Emprego". Segundo a concelhia do Partido Socialista, estão confirmadas as presenças do secretário-geral do partido, António José Seguro, e do candidato socialista à Câmara de Sintra, Basílio Horta. O LIPP é uma iniciativa do PS que visa conceber um programa político para apresentar nas eleições legislativas de 2015, tendo como horizonte de aplicação 2024. [Fonte: PS Sintra]

'Membro do Conselho Superior da Magistratura questiona fundamentos para retirar crianças a Liliana Melo'

No PÚBLICO: "Não há acordo no seio do Conselho Superior da Magistratura (CSM). Pedro Pestana Bastos, um dos membros deste órgão, estranha o comunicado emitido na sexta-feira à noite sobre o caso da mãe a quem foram retirados, em Junho de 2012, sete dos seus dez filhos. O membro do conselho permanente do CSM disse ao PÚBLICO que, ao contrário do que é habitual, a posição daquele órgão não foi debatida." [notícia integral]

Notícias relacionadas:
'Retirada de sete filhos a uma mãe foi o «culminar de um processo longo»'
'Retirar filhos a mulher que recusou laquear trompas «fere os mais elementares direitos humanos»'
'Ficou sem 7 filhos por recusar laqueação de trompas'

'Judiciária apanha ladrões violentos'

No Correio da Manhã: "Encapuzados, fortemente armados e muito violentos. Os dois ladrões, de 25 anos, atacaram com três amigos. Entraram primeiro na cafetaria e depois no restaurante. Foi no final do passado mês de novembro, em Sintra e Almada, e os assaltos foram no mesmo dia, separados por poucas horas." [notícia integral]

sábado, 26 de janeiro de 2013

'Milhares de pessoas à espera de despejo por falta de pagamento do crédito à habitação'



Na SIC Notícias: "O número de casas entregues aos bancos baixou 21% no ano passado. A banca está a apostar cada vez mais na renegociação das dívidas, mas ainda assim 5 mil e 500 famílias não conseguiram pagar o crédito à habitação e foram obrigadas a entregar os imóveis, a uma média de 15 por dia." A SIC mostra o drama de duas famílias de Massamá, onde há neste momento quatro casas prestes a ser penhoradas. [notícia integral]

'Duzentas pessoas participam na limpeza do Parque da Pena'

Na RTP: "Em Sintra, uma semana depois, ainda há trabalho para fazer. O dia é de limpeza com ajuda de muitos voluntários, como regista a jornalista Inês Gomes de Oliveira." [vídeo] [vídeo na TVI]

Notícias relacionadas:
'Castelo dos Mouros e Convento dos Capuchos reabrem ao público'
Parques de Sintra convida voluntários para apoio na limpeza do Parque da Pena
Vídeo: Temporal deixa rasto de devastação na serra de Sintra

Vídeo: conheça os Bombeiros Voluntários de Algueirão-Mem Martins



Reportagem do jornalista João Paulo Teixeira sobre a área de intervenção e os serviços dos Bombeiros Voluntários de Algueirão-Mem Martins, um trabalho elaborado para o curso de Jornalismo Digital do Cenjor.

'Retirada de sete filhos a uma mãe foi o «culminar de um processo longo»'

No Diário Digital: "A presidente do Tribunal de Sintra afirmou que a decisão judicial de retirar sete filhos a uma mãe foi o culminar de «um processo longo», depois de se concluir que se trata de uma família «estruturalmente desorganizada». Em declarações à agência Lusa, a presidente do Tribunal da Comarca da Grande Lisboa Nordeste, Rosa Vasconcelos afirmou que o processo foi sinalizado em 2007 e foi acompanhado desde essa altura pelo tribunal e pela Segurança Social." [notícia integral]

Notícia relacionada:
'Retirar filhos a mulher que recusou laquear trompas “fere os mais elementares direitos humanos”'

'Autarquia homenageia ADPS e empresário José Ferreira Neto'

Na Rádio Ocidente: "A Câmara de Sintra vai atribuir [hoje] à Associação de Defesa do Património de Sintra (ADPS) e ao empresário sintrense José Manuel Ferreira Neto a Medalha de Mérito Municipal, de "Grau Ouro". [notícia integral] [vídeo no Sintra Canal]

Campus de Sintra: 'Católica encerra cinco cursos de engenharia por razões financeiras'

No PÚBLICO: "A Universidade Católica decidiu acabar com cinco licenciaturas em engenharia e procura agora colocação para os cerca de 100 alunos que frequentavam estes cursos. A decisão da Universidade Católica foi anunciada na quinta-feira e afecta as licenciaturas em engenharia civil, biomédica, mecânica, informática e industrial.(...) Ao PÚBLICO, o director da Faculdade de Engenharia, Manuel Barata Marques, confirmou que “razões de ordem financeira” estiveram na origem da decisão, já que o campus de Sintra, onde eram leccionados estes cursos, não teve o desenvolvimento previsto pelo que a própria interacção com outras áreas do conhecimento não estava já garantida." [notícia integral] [notícia na RTP, na SIC Notícias e no SOL]

'Festival do Cozido à Portuguesa de Queluz já tem vencedores'

Na Rádio Ocidente: "O Restaurante D'el Rei foi o grande vencedor do I Festival do Cozido à Portuguesa, iniciativa da Junta de Queluz que decorreu durante todo o mês de Dezembro." [notícia integral]

'Autárquicas: Fernando Seara "satisfeito" com apoio do PSD à candidatura a Lisboa'

No Expresso (via Lusa): "O presidente da Câmara Municipal de Sintra, Fernando Seara, já oficializado como candidato nas eleições deste ano à autarquia de Lisboa, mostrou-se hoje "satisfeito" pelo apoio do PSD à sua candidatura à capital." [notícia integral] [notícia no Correio da Manhã]

'Distrital do PSD confirma candidatura de Fernando Seara a Lisboa'

No PÚBLICO: "A Comissão Política Distrital de Lisboa do PSD aprovou nesta sexta-feira o nome de Fernando Seara como candidato à Câmara de Lisboa nas autárquicas deste ano." [notícia integral]

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

Acordo "irregular" com o CDS-PP leva a 10 demissões na concelhia de Sintra do PSD

Confirma-se a crise interna na concelhia de Sintra do PSD, noticiada ontem pelo Tudo sobre Sintra, e a queda da actual comissão política presidida por José Faustino. "Dez elementos da concelhia apresentaram hoje a demissão por considerarem que o acordo de coligação com o CDS-PP foi "um acto irregular" no qual a concelhia não foi consultada", informa a agência Lusa. As demissões foram confirmadas pelo presidente da mesa, Eduardo Casinhas, que admite que a concelhia terá de realizar eleições antecipadas. [notícia no Correio da Manhã, no Jornal de Negócios, no Notícias Grande Lisboa, na Rádio Ocidente e na TVI24]

Apresentação da Coligação Mais Sintra para 2013:


Entrevista de Filipe Santos no final da assinatura do acordo:


Notícias relacionadas:
Crise na concelhia do PSD devido ao apoio "irregular" a Pedro Pinto (c/ vídeos)
'PSD recusa falar sobre sanções a militantes que apoiem candidaturas adversárias'
Autarca de S. João das Lampas diz-se "enganado" pelos partidos que representa
Autarca de Massamá será mandatário da candidatura de Marco Almeida
PSD e CDS-PP repetem Coligação Mais Sintra e apresentam Pedro Pinto

'Dois inspectores-chefes da PJ condenados a prisão suspensa por tortura'

No PÚBLICO: "Dois inspectores-chefes da Polícia Judiciária foram condenados nesta sexta-feira a dois anos e meio de prisão, suspensos pelo mesmo período, pelo crime de tortura por factos que remontam a Março de 2000. (...) As Varas Criminais de Lisboa deram como provado que os dois inspectores condenados pelo menos assistiram a uma violenta agressão de um funcionário ferroviário, Virgulino Borges, que esteve acusado de ter roubado dinheiro das bilheteiras do apeadeiro de Rio de Mouro, na Linha de Sintra. Esse processo terminou com a absolvição do ferroviário no tribunal de Sintra , anos depois das agressões de que foi alvo." [notícia integral]

Hoje: tertúlia com Filomena Marona Beja no Café Saudade

A associação cultural Alagamares promove hoje mais uma tertúlia literária, desta feita com a escritora Filomena Marona Beja, no Café Saudade, em Sintra, pelas 18h30. Como habitualmente, a moderação será do escritor e ensaísta Miguel Real e a entrada é livre. [Fonte: Alagamares]

'Dezenas de campas e gavetões vandalizados em cemitério de Belas'

No Jornal de Notícias: "Dezenas de campas e gavetões do cemitério de Belas, no concelho de Sintra, foram vandalizadas, tendo sido furtadas floreiras, chapas e crucifixos. Segundo Guilherme Dias, presidente da junta de freguesia de Belas, "tudo o que era de metal foi roubado e partiram dezenas de mármores de campas e gavetões". [notícia integral] [notícia n'A Bola, no Jornal da Região, no PÚBLICO e na Rádio Ocidente]

Actual Sintra - 25 de Janeiro

"Temporal devasta património" é a manchete da última edição do Actual Sintra, quinzenário que destaca os danos provocados pelo mau tempo do último fim-de-semana na serra de Sintra. [edição digital]

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

'Única carrinha da PSP de Sintra viola a lei ao circular sem luzes de presença'

No Jornal da Região (via Lusa): "A Associação Sindical dos Profissionais de Polícia (ASPP) indicou hoje que as duas carrinhas da Esquadra de Intervenção Rápida da PSP de Sintra estão avariadas e que uma delas "viola" a lei ao circular sem luzes de presença." [notícia integral] [notícia no Correio da Manhã]

Entrevista: Câmara de Sintra espera rever o Plano Director Municipal até 2015



Está a decorrer a revisão do Plano Director Municipal (PDM) aprovado em 1999, mas o processo deve demorar pelo menos dois anos, como explica em entrevista o arquitecto Carlos Pinto, chefe da divisão municipal responsável pela revisão.

O primeiro período de participação pública termina dia 11 de Fevereiro, data até à qual terão lugar diversas sessões de esclarecimento como as três que se realizam hoje em Algueirão-Mem Martins, Colares e São Martinho.

A Câmara de Sintra disponibiliza na internet uma página para facilitar a participação dos munícipes, embora toda a documentação esteja igualmente acessível na Divisão do PDM de Sintra, sita na Travessa do Município, nº4, em Sintra. [notícia no Jornal da Região]

Entrevista ao arquitecto Carlos Pinto: [link alternativo]

1. Em que fase do processo estamos e quanto tempo demorará esta revisão do Plano Director Municipal (PDM) de Sintra?


2. Em que medida a reforma administrativa pode afectar o processo? 


3. Na prática, o que é que esta revisão pode trazer para a população? Correcção de erros do actual PDM?


4. Ouve-se muito a queixa de que os filhos da terra não podem fazer cá as casas e têm de sair. É assim?


5. Quais são as principais queixas em relação ao actual PDM?


6. O actual PDM foi apelidado de "plano do betão", concorda? Há o risco do próximo também ser?


Notícias relacionadas:
Algueirão-Mem Martins, Colares e São Martinho debatem revisão do PDM
Freguesias promovem sessões de esclarecimento sobre a revisão do PDM
Algueirão-Mem Martins discute propostas para a revisão do PDM
Bloco de Esquerda apela à participação pública na revisão do PDM
S. João das Lampas e São Martinho promovem sessões de esclarecimento sobre a revisão do Plano Director Municipal
Terrugem acolhe sessão sobre a revisão do Plano Director Municipal
Munícipes têm 30 dias úteis para participar na revisão do PDM Sintra

Jornal de Sintra - 25 de Janeiro

A edição da semana do Jornal de Sintra, já em distribuição, destaca o "rasto de devastação" deixado pela "catástrofe natural" que afectou Sintra no último fim-de-semana. [edição em PDF]

Correio de Sintra - 24 de Janeiro

A primeira edição do ano do Correio de Sintra dedica a manchete à "maior catástrofe em Sintra nos últimos 50 anos", numa referência ao temporal de dia 19 de Janeiro que fez quatro feridos e deixou um rasto de destruição no concelho, sobretudo na serra de Sintra. [edição digital]

'PSD aprova na sexta candidatura de Seara a Lisboa'

No SOL: "A candidatura de Fernando Seara à Câmara de Lisboa será oficial na sexta-feira. A distrital de Lisboa do PSD aprova em reunião na sexta-feira à noite o nome do autarca de Sintra como candidato a Lisboa, soube o SOL." [notícia integral] [notícia no Jornal de Negócios]

'Paparazzo italiano detido'

No Correio da Manhã: "Fabrizio Corona, o ‘paparazzo’ detido nesta terça-feira em Queluz no âmbito de mandado de detenção europeu emitido pelas autoridades italianas, será ouvido quinta-feira no Tribunal da Relação de Lisboa." [notícia integral]

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Crise na concelhia do PSD devido ao apoio "irregular" ao candidato Pedro Pinto

As divisões internas na concelhia do PSD em torno da escolha do candidato às próximas autárquicas foram ontem tornadas públicas com o anúncio de demissão de pelo menos um dos vogais efectivos. “Tenho conhecimento que vários elementos da comissão política da secção concelhia do PSD de Sintra já apresentaram a sua demissão ao presidente da mesa, eu sou um deles”, revelou Alexandre Sebastião no Facebook, no grupo “Autárquicas 2013 – Concelho de Sintra”.

As razões da demissão prendem-se com alegadas irregularidades no acordo político celebrado recentemente entre a concelhia social-democrata e a concelhia do CDS-PP. “No dia 17 de Janeiro, na apresentação da candidatura de Pedro Pinto, um elemento da comissão política de Sintra, sem estar mandatado para tal, assinou um acordo que não foi nem apresentado nem aprovado pela comissão política de Sintra do PSD. Lamento que o CDS-PP tenha sido induzido a participar num acto absolutamente irregular”, denuncia Alexandre Sebastião.

O acordo prevê a repetição da Coligação Mais Sintra que venceu as eleições autárquicas de 2009 e a aceitação do deputado Pedro Pinto como cabeça-de-lista. Esta escolha está a dividir a concelhia social-democrata que inicialmente decidiu apoiar o nome de Marco Almeida, o actual vice-presidente da câmara, que entretanto avançou com uma candidatura suprapartidária.

Na apresentação da Coligação Mais Sintra para 2013 (vídeo anexo), o PSD-Sintra foi representada por Filipe Santos, um dos dois vice-presidentes da comissão política presidida por José Faustino, eleito em Março de 2011 na lista “Juntos por Sintra”. Em declarações à comunicação social, Filipe Santos, que também é presidente da junta de freguesia de Rio de Mouro, justificou que o presidente da concelhia não esteve presente por razões pessoais e defendeu que “os verdadeiros militantes vão apoiar a candidatura de Pedro Pinto, porque esse é o candidato do PSD à Câmara de Sintra” (vídeo anexo).

Sobre eventuais discordâncias na escolha do candidato, o autarca afirmou que “a concelhia ainda não mostrou essa divisão perante a comunidade e está tudo a funcionar normalmente”. Questionado sobre se houve uma deliberação da comissão política para apoiar Pedro Pinto, invocou os estatutos e lembrou que os nomes dos candidatos são ratificados a nível central. “O nome de Pedro Pinto foi aprovado na distrital por unanimidade e aí estão representados os órgãos da concelhia de Sintra”, disse Filipe Santos.

© Luís Galrão/Tudo sobre Sintra

Entrevista de Filipe Santos:


Apresentação da Coligação Mais Sintra para 2013:


Notícias relacionadas:
'PSD recusa falar sobre sanções a militantes que apoiem candidaturas adversárias'
Autarca de S. João das Lampas diz-se "enganado" pelos partidos que representa
Autarca de Massamá será mandatário da candidatura de Marco Almeida
PSD e CDS-PP repetem Coligação Mais Sintra e apresentam Pedro Pinto

'Tartaruga gigante morta deu à costa na Praia Grande'

Na TSF: "Uma tartaruga já sem vida deu hoje à costa na Praia Grande, no concelho de Sintra, disse à agência Lusa o comandante da Capitania do Porto de Cascais." [notícia integral]

'Retirar filhos a mulher que recusou laquear trompas “fere os mais elementares direitos humanos”'

No PÚBLICO: "Numa carta aberta, a Associação Portuguesa de Famílias Numerosas (APFN) questionou nesta quarta-feira o Governo sobre se a “imposição da obrigação da esterilização” a uma mulher a quem foram retirados sete filhos foi uma “decisão infeliz” dos serviços ou se se insere nas “orientações políticas” actuais. “Mas que raio de tribunais é que nós temos? Os tribunais podem fazer uma coisa destas?”, indigna-se o presidente daquela associação. A APFN refere-se a um caso noticiado recentemente. O Tribunal de Sintra ordenou que fossem retirados a Liliana Melo sete dos seus dez filhos. A ideia é que as crianças, entre as quais dois gémeos de quatro anos, possam vir a ser adoptadas." [notícia integral] [notícia no Diário de Notícias]

Notícia relacionada:
'Ficou sem 7 filhos por recusar laqueação de trompas'

'Trabalhadores da ThyssenKrupp Elevadores manifestam-se em Massamá e reclamam aumentos salariais'

No ionline (via Lusa): "Quatro dezenas de trabalhadores da ThyssenKrupp Elevadores Portugal protestaram hoje em frente às instalações da empresa, em Massamá (Sintra), a exigir aumentos salariais e o cumprimento dos acordos assinados entre os sindicatos e a administração. Os trabalhadores concentraram-se esta manhã, às 09:00, em frente às instalações da empresa alemã de instalação e manutenção de elevadores, e contestaram o aumento de apenas 1,5% do salário." [notícia integral]

'Castelo dos Mouros e Convento dos Capuchos reabrem ao público'

No Jornal da Região (via Lusa): "O Convento dos Capuchos e o Castelo dos Mouros reabriram ao público nesta quarta-feira, quatro dias após terem sido encerrados devido ao temporal que derrubou milhares de árvores na Serra de Sintra, disse fonte municipal." [notícia integral]

Notícias relacionadas:
Parques de Sintra convida voluntários para apoio na limpeza do Parque da Pena
Vídeo: Temporal deixa rasto de devastação na serra de Sintra

Algueirão-Mem Martins, Colares e São Martinho debatem revisão do PDM

Realizam-se esta quinta-feira três reuniões públicas sobre o processo de revisão do Plano Director Municipal (PDM) de Sintra, actualmente em fase de consulta pública preventiva até dia 11 de Fevereiro. Em Algueirão-Mem Martins, a assembleia de freguesia vai discutir o assunto numa sessão extraordinária que terá lugar nos Recreios Desportivos do Algueirão. Em Colares, a junta de freguesia promove uma sessão de esclarecimento na sede, pelas 21h, com a presença de um elemento da divisão municipal do PDM. E em São Martinho, realiza-se igualmente sessão de esclarecimento na delegação da junta de freguesia na Várzea de Sintra, com Fernando Morais Gomes, presidente da Alagamares, como moderador (folheto anexo). Mais em http://revisaopdm.cm-sintra.pt.



Notícias relacionadas:
Freguesias promovem sessões de esclarecimento sobre a revisão do PDM
Algueirão-Mem Martins discute propostas para a revisão do PDM de Sintra
Bloco de Esquerda apela à participação pública na revisão do PDM

'Leva quatro facadas por dar piropos'

No Correio da Manhã: "A festa durava já há quatro horas, anteontem à noite, junto à igreja de Monte Abraão, em Sintra. O jovem de 22 anos estava com um grupo de amigos quando meteu conversa com uma rapariga e lançou-lhe vários piropos. A vingança chegou pouco depois. Outro grupo, amigo da rapariga, juntou-se e apanhando o jovem sozinho desferiu-lhe quatro facadas nas costas e no abdómen." [notícia integral]

'PSD recusa falar sobre sanções a militantes que apoiem candidaturas adversárias'

No ionline (via Lusa): "O vice-presidente do PSD Jorge Moreira da Silva recusou [ontem] pronunciar-se sobre eventuais apoios de militantes sociais-democratas a candidaturas autárquicas adversárias, destacando o "amplo apoio" em torno de Luís Filipe Menezes no Porto. "Não quero entrar em discussões sobre questões eventuais", afirmou o primeiro vice-presidente do PSD, quando questionado sobre eventuais sanções aplicadas a militantes que venham a apoiar uma candidatura de Rui Moreira à Câmara Municipal de Porto.(...) Questionado sobre a candidatura de Marco Almeida em Sintra, anunciada contra o candidato oficial do PSD, Pedro Pinto, Moreira da Silva disse não querer fazer nenhuma declaração "que prejudique" um apoio à candidatura apoiada pela direção do PSD por parte do ainda vice-presidente de Fernando Seara. "Ainda não perdi a esperança", afirmou." [notícia integral] [notícia na Rádio Ocidente]

'Candidatura de Seara a Lisboa divide CDS'

No Diário Económico: "O CDS está dividido no apoio à candidatura de Fernando Seara a Lisboa porque muitos centristas não concordam que um autarca que tenha atingido a limitação de mandatos se candidate a outro concelho. Este é o caso de Seara, que termina três mandatos em Sintra e se prepara para concorrer pelo PSD a Lisboa, contra o socialista António Costa." [notícia integral]

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Parques de Sintra convida voluntários para apoio na limpeza do Parque da Pena


[Foto: PSML/EMIGUS]

Na sequência do temporal que assolou Sintra no último fim-de-semana, a Parques de Sintra - Monte da Lua convida agora à inscrição de voluntários para colaborarem numa campanha de limpeza a ter lugar no próximo Sábado, dia 26 de Janeiro, no Parque da Pena. "Durante a semana, os profissionais da Parques de Sintra estão a avançar com a maior rapidez possível no corte e remoção das árvores, bem como nas limpezas mas, no Sábado, será possível receber voluntários para apoio nas limpezas que não envolvem riscos de segurança", explica a empresa.

Embora já tenham sido reabertos os acessos aos Palácios da Pena e de Monserrate, a tempestade de dia 19 causou a queda de mais de 2000 árvores e inúmeros ramos e, consequentemente, toda a área de parques e jardins necessita de ser limpa: "as valetas precisam de ser desentupidas, os muitos ramos e folhas têm que ser varridos e, no geral, são necessários grandes esforços para permitir o regresso do Parque à sua normalidade, reabrindo-o à circulação de visitantes por todas as áreas."

Nesse sentido, a Parques de Sintra "convida todos os que quiserem colaborar, para que participem durante a manhã (10h/13h) ou durante a tarde (14h30/17h30) de Sábado, na resposta àquela que foi uma situação única na História da Serra de Sintra, e que ficará certamente na memória de todos." É obrigatória a inscrição prévia através do npa@parquesdesintra.pt ou do telefone 21 923 73 00 (crianças apenas a partir dos 12 anos e sempre acompanhadas de um adulto). Serão disponibilizadas ferramentas de trabalho e coletes reflectores para cada participante. [Fonte: PSML]

Actualização: [19h, 23/01] A Parques de Sintra informa que "dada a enorme adesão" já foi atingido o limite de inscrições. "Não poderemos aceitar mais, é necessário garantir as condições corretas de apoio aos voluntários. Agradecemos desde já o grande entusiasmo com que todos responderam e que conseguiu ultrapassar as nossas expectativas!", refere empresa.

Notícia relacionada:
Vídeo: Temporal deixa rasto de devastação na serra de Sintra

Vídeo: Temporal deixa rasto de devastação na serra de Sintra



Visita de ontem à serra de Sintra do secretário de Estado das Florestas, Daniel Campelo, para avaliar os danos causados pelo temporal de sábado, 19 de Janeiro.

Notícias relacionadas:
'Danos do mau tempo em Sintra rondam 3 milhões de euros'
«Talvez a maior catástrofe natural em Sintra nos últimos 50 anos»
Monumentos de Sintra reabrem ao longo da semana após operações de limpeza
Acessos à serra de Sintra continuam cortados devido à queda de duas mil árvores
Vereador Pedro Ventura faz primeiro balanço dos estragos do temporal em Sintra
Mau tempo em Sintra provoca estragos, muitas quedas de árvores e quatro feridos

'IC19 cortado sete horas devido a dois acidentes'

No Jornal de Notícias: "O trânsito no IC 19 reabriu, esta terça-feira, às 06.22 horas, depois de quase sete horas cortado devido a dois acidentes. "O trânsito está reaberto embora muito congestionado", disse uma fonte da PSP contactada pela Agência Lusa, ao recomendar também "muito cuidado aos automobilistas que circulam naquela via de acesso à capital". [notícia integral] [notícia na TSF]

Notícia relacionada:
'Sintra: Acidente fecha IC19'

'Sintra assume bairros do IGFSS'

No Notícias Grande Lisboa: "Os bairros da Tabaqueira (Rio de Mouro) e 1º de Maio (Monte Abraão) vão passar para a tutela da autarquia de Sintra após a assinatura dos acordos de transferência entre o Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social (IGFSS) e a Câmara Municipal de Sintra." [notícia integral]

'Sintra: Acidente fecha IC19'

No Correio da Manhã: "Um despiste de um camião no IC19, pelas 22h45 de ontem, no sentido Sintra-Lisboa, junto à curva do Palácio de Queluz, cortou o trânsito nos dois sentidos devido a um derrame de gasóleo. O motorista do pesado, que capotou, ficou ferido." [notícia integral] [notícia n'A Bola, no Jornal de Notícias e na Visão]

'Danos do mau tempo em Sintra rondam 3 milhões de euros'


[Foto: PSML/EMIGUS]

No SOL (via Lusa): "Os prejuízos provocados pelo mau tempo na Serra de Sintra rondam entre dois a três milhões de euros, disse à Lusa o presidente da empresa pública Parques de Sintra Monte da Lua. Segundo António Lamas, esta é a primeira avaliação feita aos prejuízos provocados pela intempérie de sábado nos parques e palácios geridos pela empresa. Os prejuízos contemplam os trabalhos de limpeza dos acessos aos monumentos, a recuperação da Casa do Guarda do Chalet da Condessa (onde caiu uma árvore), recuperação dos sistemas de rega e outras infraestruturas e replantação e reflorestação das zonas afectadas." [notícia integral] [notícia no Jornal de Notícias e no Jornal da Região]

Notícias relacionadas:
«Talvez a maior catástrofe natural em Sintra nos últimos 50 anos»
Monumentos de Sintra reabrem ao longo da semana após operações de limpeza

'Fernando Seara facilita coligação entre PSD e CDS'

No Diário Económico: "Fernando Seara corre o risco de se tornar no candidato oficioso mais oficial da política nacional. A candidatura do ainda autarca de Sintra já mereceu a benção de Miguel Relvas, ministro Adjunto e dos Assuntos Parlamentares, e em Lisboa o seu nome facilita consensos entre PSD e CDS, partidos que se deverão apresentar coligados no embate em que António Costa será o previsível adversário." [notícia integral]

'CDS ajusta posição sobre mandatos para apoiar Fernando Seara'

No PÚBLICO: "O CDS-PP já manifestou o apoio a Fernando Seara, caso venha a ser candidato a Lisboa pelo PSD. Mas para concretizar essa aliança terá de deixar cair as reservas contra os autarcas que já atingiram o limite de mandatos e que apresentam uma candidatura noutro município, como é o caso do actual presidente de Sintra. O ajustamento da posição do CDS deverá acontecer nos órgãos do partido nas próximas semanas, apurou o PÚBLICO." [notícia integral]

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Autarca de S. João das Lampas diz-se "enganado" pelos partidos que representa


27 de Dezembro: bandeira da freguesia a meia-haste após ser aprovada a lei que cria a União de Freguesias de S João das Lampas e da Terrugem [Foto: Junta de Freguesia de S. João das Lampas]

O presidente da junta de freguesia S. João das Lampas considera que a reforma administrativa é “a pior decisão política desde o 25 de Abril” e diz-se “enganado” pela Coligação Mais Sintra (PSD, CDS-PP, PPM e MPT) cujas listas integra como independente. “Sempre me garantiram que a nossa freguesia e da Terrugem nunca iriam ser mexidas, inclusive alguns deputados municipais que são deputados na Assembleia da República. Mas constato que esses deputados que até votaram contra a reorganização administrativa nas freguesias de Sintra, covardemente vão votar a favor na Assembleia da República. Isto é desonestidade política e como não sou uma pessoa desonesta, não posso conviver com pessoas que são desonestas politicamente”, desabafa Guilherme Ponce de Leão.

O autarca não poupa críticas aos principais partidos da coligação, que acusa de “desonestidade”, garantindo que não voltará a ser candidato pelo PSD ou pelo CDS-PP, e critica as escolhas feitas pelas várias concelhias para as próximas autárquicas, incluindo a do PS, processo eleitoral sobre o qual ainda não tomou decisões. “Querem pôr aqui candidatos a presidente de Câmara que não têm o mínimo conhecimento da realidade das gentes, da nossa freguesia e do nosso concelho. Sinto-me desrespeitado, sinto que passaram um atestado de incompetência a mim e a todas as pessoas. Somos 377 mil, não há um que sirva para ser candidato a presidente de câmara?”, questiona, acusando os partidos de “apoiar os lobbies” das distritais e das comissões políticas nacionais que são geridas por “miúdos incompetentes”.

Entrevista integral realizada no dia 17 de Janeiro [link alternativo]:

1. Como é que avalia a reforma administrativa que resulta na extinção de 16 freguesias em Sintra?


2. Que reflexos é que esse descontentamento vai ter nas suas opções nas próximas autárquicas?


3. Isso significa que não estará disponível para voltar a integrar listas da Coligação Mais Sintra?


4. Os autarcas do PS vão avançar com processos para tentar suspender a aplicação da lei. Concorda?


5. Este processo da reforma administrativa pode afectar as eleições?


Notícias relacionadas:_
'Oito juntas de freguesia avançam para tribunal para travar reforma administrativa'
São Marcos avança com processo judicial contra a reforma administrativa
'Montelavar levará até ao fim a luta contra a extinção de freguesias'

«Talvez a maior catástrofe natural em Sintra nos últimos 50 anos» (actualizado com vídeo)



Na TVI24: "O secretário de Estado das Florestas assegurou, em Sintra, que depois da avaliação dos estragos provocados pelo temporal de sábado, o Governo irá «agir em conformidade». (...) Por seu turno, o presidente da Câmara Municipal de Sintra, Fernando Seara, chamou a atenção para os «milhares de árvores caídas, algumas arrancadas pela raiz, os muros de suporte totalmente destruídos e, nalgumas zonas, as casas particulares afetadas com quedas de árvores». «Temos porventura uma das maiores ou a maior catástrofe natural em Sintra nos últimos 50 anos», resumiu o autarca, citando as informações de que a serra terá sido afetada noutras duas ocasiões pelo mau tempo: em 1940 e 1950." [notícia integral] [notícia no Diário Digital, no ionline, na Rádio Ocidente, fotogaleria no SAPO e vídeo na RTP]

Notícias relacionadas:
Monumentos de Sintra reabrem ao longo da semana após operações de limpeza
Acessos à Serra de Sintra continuam cortados devido à queda de duas mil árvores
Vereador Pedro Ventura faz primeiro balanço dos estragos do temporal em Sintra
Parques de Sintra encerra monumentos até segunda-feira devido ao mau tempo
Mau tempo em Sintra provoca estragos, muitas quedas de árvores e quatro feridos

1º Cross Internacional de Queluz realiza-se dia 9 de Fevereiro

A Associação Atlética de Pego Longo e a Câmara de Sintra, em colaboração com as juntas de freguesia e cubes do concelho, promovem dia 9 de Fevereiro o 1º Cross Internacional de Queluz, Campeonato Regional de Cross Longo. A prova integrada no Troféu "Sintra a Correr" parte da Escola Prática da GNR em Queluz e está aberta a toda a população. As inscrições decorrem até dia 5 de Fevereiro junto da Divisão de Desporto e Juventude. Mais informações através da página www.sintraacorrer.com. [Fonte: Junta de Freguesia de Queluz]

'IC19: trânsito parcialmente restabelecido'

Na TVI24: "Um acidente provocou esta manhã o corte do IC19, nos dois sentidos na zona de Queluz. Do acidente não resultaram feridos, apenas um poste derrubado que provocou o caos no trânsito nesta manhã de segunda-feira. Neste momento, o sentido Lisboa-Sintra já está aberto, mas no sentido oposto os carros apenas circulam pela faixa da direita." [notícia integral]


Notícia relacionada:
'IC19 com trânsito cortado devido a acidente'