quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

Belas perde centro de saúde a 13 de Janeiro


© Google

O Centro de Saúde de Belas vai encerrar a 13 de Janeiro, tendo os utentes que passar a dirigir-se à Unidade de Saúde Familiar Belas/Monte Abraão, instalada na freguesia vizinha. A informação foi avançada na Assembleia Municipal de 27 de Dezembro, onde o Bloco de Esquerda questionou a câmara sobre que medidas irão ser tomadas para minimizar a mudança.

“Como é que os idosos e as idosas de Belas vão para Monte Abraão ter as consultas? Que medidas tenciona a câmara tomar junto do Governo e das empresas transportadoras? Se não houver, Belas fica mais pobre e com mais dificuldades, porque não há transportes directos e, além disso, o custo dos bilhetes será um problema para os idosos já com fracas reformas”, questionou o deputado municipal João Silva.

Em resposta, a presidente da União de Freguesias de Queluz e Belas diz que o assunto é “uma das principais preocupações da junta e da câmara”, que já estão a “envidar todos esforços” para minimizar o problema. “Esta não é a solução ideal, porque queremos ter centro de saúde em Belas e não deixaremos de cuidar para que isso aconteça, mas as condições e as instalações actuais não o permitem, porque são extremamente degradantes”, afirma Paula Alves.

A solução será passar os utentes para a nova Unidade de Saúde Familiar Belas/Monte Abraão, “onde terão instalações condignas”. Quanto ao transporte, junta e câmara estão a estudar a adaptação de uma carreira que poderá passar pela USF. “Segundo os nossos cálculos, 10% da população necessitará de transporte, pelo que iremos tentar dar essa resposta”, avança o presidente da câmara.

O autarca reforça a necessidade do encerramento das instalações de Belas e assegura que irá procurar outro local para instalar uma extensão de saúde na vila. “Quando soubemos que ia ser encerrado, fomos visitar o centro de saúde, e aquilo era realmente impossível, não tinha dignidade, nem sequer era possível atrair profissionais para ali. Manter aquele centro era impossível e até indigno, por isso vamos encontrar outro sítio que possa ser uma extensão do centro de saúde”, afirma Basílio Horta.

© Luís Galrão/Tudo sobre Sintra

Notícia relacionada:
Comissão de utentes realiza protesto junto ao Centro de Saude de Belas

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.