sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

'Trabalhadores preocupados com a reorganização das empresas municipais de Sintra'

No Expresso da Linha: "O Sindicato Nacional dos Trabalhadores da Administração Local e Regional (STAL) continua a recusar a inclusão do banco de horas e da adaptabilidade no acordo colectivo a celebrar com a Câmara de Sintra, e alerta os trabalhadores para o processo de reorganização das empresas municipais que a autarquia quer implementar já a partir do próximo mês. “Aceitamos a ideia de que a integração de trabalhadores comece a 1 de Março, mas o processo é difícil e falta-nos informação”, disse esta sexta-feira o presidente do STAL durante um plenário que juntou cerca de centena e meia de trabalhadores frente aos Paços do Concelho." [notícia integral]

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.