quarta-feira, 9 de abril de 2014

'Câmara de Sintra responsabiliza lei do Governo por greve na recolha de lixo'

No Correio da Manhã (via Lusa): "A Câmara de Sintra responsabiliza a lei que regula a reorganização do setor empresarial local pela greve de quatro dias convocada pelo Sindicato dos Trabalhadores da Administração Local (STAL) na empresa municipal de Higiene Pública. "Esta greve tem como principal reivindicação a contestação à lei 50/2012, que não afronta só os direitos dos trabalhadores da empresa de Higiene Pública de Sintra mas de todas as empresas municipais", afirmou na terça-feira à noite à agência Lusa o vereador da CDU na Câmara de Sintra, Pedro Ventura, administrador dos SMAS." [notícia integral] [notícia na Rádio Ocidente e na Visão]

Notícias relacionadas:
'Sindicato diz que greve paralisa empresa de recolha de lixo em Sintra'
'Greve na empresa de recolha de resíduos em Sintra'
Trabalhadores da HPEM mantêm greve à recolha de resíduos entre terça e sexta-feira

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.