domingo, 14 de setembro de 2014

'Fábio, o jihadista que queria se estrela da bola'

No Expresso: "Nascido e criado na linha de Sintra, foi para Londres aos 19 anos em busca de uma carreira na Premier League. Acabou na Jihad. Luta desde outubro de 2013 pelo Estado Islâmico, na Síria. Na semana em que os jihadistas decapitaram David Haines, um trabalhador humanitário britânico - o terceiro refém a ser morto pelo movimento terrorista -, o Expresso recupera um artigo publicado na edição de 6 de setembro do semanário." [notícia integral]

Notícias relacionadas:
'Alentejana casa com extremista português'
'Jovem de Sintra combate nas fileiras do Estado Islâmico'

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.