terça-feira, 28 de outubro de 2014

'Secretário de Estado diz que providência cautelar «não é contra o Fundo de Apoio Municipal»'

Na RTP (via Lusa): "O secretário de Estado da Administração Local, António Leitão Amaro, considerou hoje que a providência cautelar da Câmara de Sintra "não é contra o Fundo de Apoio Municipal [FAM]" e que a contribuição dos municípios resulta "diretamente da lei". "A Câmara de Sintra não fez uma providência cautelar contra o FAM, fez uma providência cautelar a pedir a suspensão de eficácia de uma carta informativa da Direção Geral das Autarquias Locais [DGAL]", afirmou à agência Lusa António Leitão Amaro." [notícia integral] [notícia no Correio da Manhã, no Jornal da Região e no Dinheiro Digital]

Notícias relacionadas:
'Tribunal admite providência cautelar de câmara de Sintra' contra o FAM
'Sintra entrega providência cautelar contra Fundo de Apoio Municipal'

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.