segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

'ERS vai analisar acesso dos utentes ao Amadora-Sintra'

No Jornal i (via Lusa): "A Entidade Reguladora da Saúde (ERS) vai analisar a situação no Hospital Amadora-Sintra, que chegou a ter esperas de 20 horas na urgência, no âmbito de um inquérito sobre o acesso dos utentes que já tinha sido instaurado. De acordo com este regulador, a ERS tem estado atenta à “temática da garantia do direito de acesso dos utentes aos serviços de urgência do Serviço Nacional de Saúde (SNS)” e, neste âmbito, instaurou um inquérito ao Hospital Fernando Fonseca, conhecido como Amadora-Sintra." [notícia integral] [notícia no Correio da Manhã e no Observador]

Notícias relacionadas:
'«Amadora-Sintra subdimensionado para a população que serve»'
'Amadora-Sintra vai contratar dez médicos «de imediato»'

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.