terça-feira, 2 de junho de 2015

'SATU: Câmara de Oeiras estuda alternativas após encerramento do metro de superfície'

No Jornal de Negócios (via Lusa): "A Câmara de Oeiras tem recebido vários protestos contra o encerramento, no domingo, 31 de maio, do metro urbano de superfícies (SATU), informou fonte da autarquia, adiantando que o fim do projecto era "inevitável". Algumas petições foram já entregues na autarquia, contestando o final daquele sistema de transporte público. (...) Ao fim de 11 anos de funcionamento, o transporte registou uma média diária de 550 passageiros, sendo que a intenção de fazer chegar o SATU ao Cacém (Sintra) nunca se concretizou, com a empresa a acumular uma dívida de cerca de 42 milhões de euros." [notícia integral] [notícia no Diário Digital]

Notícias relacionadas:
'SATU: Anatomia de um projecto falhado'
'SATU de Oeiras fará a última viagem a 31 de Maio'

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.