quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

'Ministério Público pede condenação de ex-ministra Ana Jorge'

No PÚBLICO (via Lusa): "O Ministério Público pediu esta quinta-feira a condenação de cerca de 20 responsáveis da Administração Regional de Saúde (ARS) de Lisboa entre 1998 e 2001, por terem pago indevidamente cerca de 21 milhões de euros à sociedade que geria o hospital Amadora-Sintra. Entre os responsáveis que estão a ser julgados no Tribunal de Contas, onde hoje decorreram as alegações finais, está a antiga ministra da Saúde Ana Jorge, que foi presidente da Administração Regional da Saúde de Lisboa e Vale do Tejo entre 1997 e 2000." [notícia integral] [notícia na TVI24]

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.