terça-feira, 11 de abril de 2017

'Vive com cadáver da mãe para ficar com reforma'

No Correio da Manhã: "Uma professora reformada foi encontrada esta segunda-feira morta na casa onde vivia com o filho, em Almargem do Bispo, Sintra. O CM apurou que o homem, Pedro, vivia com a mãe morta em casa há mais de um mês para ficar com a reforma da idosa, como de resto confessou à Judiciária – que aguarda pela autópsia para apurar as causas da morte. Não foi detido, mas é, para já, suspeito de fraude à Segurança Social." [notícia integral] [notícia no Jornal de Notícias e no Jornal i]

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.