domingo, 4 de março de 2018

'Queluz vai ter contrato local de segurança. Ali, só o palácio é um oásis'

No Diário de Notícias: "O Palácio Nacional de Queluz, monumento evocativo do barroco, marca uma fronteira naquela cidade do concelho de Sintra - de uma zona limpa, ajardinada e segura para o centro, a Avenida Miguel Bombarda, uma artéria nobre transformada, segundo os moradores, num "antro de insegurança, lixo amontoado e má iluminação", como descreve Maria, uma residente antiga da zona." [notícia integral]

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.