sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Câmara diz que maioria dos moradores pode regressar aos prédios evacuados no Cacém

A Câmara de Sintra avançou ao início da tarde que a maior parte dos moradores da Rua São Tomé e Príncipe, no Cacém, já pode regressar em segurança às suas habitações. 22 famílias foram evacuadas ontem à noite devido ao risco de desabamento de um muro de 12 metros, que veio de facto a ruir durante a madrugada.

"Examinado o estado dos edifícios atingidos pela derrocada na passada noite, conclui-se que os mesmos não foram afectados na sua estrutura, pelo que podem regressar a casa todos os inquilinos desalojados com a excepção dos que habitam no R/C e 1º andar de um dos edifícios (nº 12) e R/C e cave do edifício nº10".

No mesmo comunicado a autarquia assegura que "no mais curto período de tempo vão iniciar-se os trabalhos de limpeza do local, seguindo-se o estudo das obras de estrutura a efectuar no muro de suporte, respectiva calendarização e cálculo do custo da intervenção." [notícia no Jornal de Notícias, no Jornal da Região, na Rádio Renascença e na SIC Notícias]

Notícias relacionadas:
Moradores alertaram em 2011 para o muro que ruiu durante a noite no Cacém
'Muro que obrigou ao realojamento de 22 famílias no Cacém encostado a um dos prédios'

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.