sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

'Falta de médicos continua a provocar longas horas de espera no Amadora-Sintra'

Na Rádio Renascença: "Há quem esteja à espera há mais de oito horas para ser observado nas urgências do Amadora-Sintra, esta sexta-feira. O período de festas já acabou, mas a entrada no novo ano não corrigiu as dificuldades neste hospital de Lisboa, que se tem debatido com a falta de médicos. Nesta altura, estão 52 pessoas inscritas e há 14 que ainda esperam para ser atendidas por um médico no Hospital Fernando Fonseca, conhecido como Amadora-Sintra." [notícia integral]

Notícias relacionadas:
'Amadora-Sintra pagou até 45 euros por hora a médicos na urgência'
'Paulo Macedo vai multar empresas que falhem contratos para recrutar médicos'
'Amadora-Sintra assegura escalas de seis médicos para a urgência'

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.