quinta-feira, 4 de agosto de 2016

'À Descoberta dos burritos na Reserva da Serra de Sintra'

No Canela&Hortelã: "Longe vai o tempo em que “íamos” montados num burrinho de um local para outro, eles aravam a terra, puxavam a nora, transportavam o pão e a farinha, ou as trouxas da roupa das cidades para as zonas saloias, como Mafra, Malveira ou Caneças, ou até faziam tijolo, hoje, os burros deixaram de ser animais de trabalho ou transporte, para serem meros animais de estimação, de quintas pedagógicas ou de reserva. (...) E é este trabalho, de preservação e divulgação, que a Reserva de Burros – Associação para a Valorização e Preservação do Burro, instalada na Serra de Sintra – na Tapada de D. Fernando II, junto ao Convento dos Capuchos faz." [notícia integral]

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.