sexta-feira, 24 de janeiro de 2020

'Embargo de obra na Gandarinha em Sintra foi desrespeitado duas vezes'

No PÚBLICO: "O promotor da obra que está a transformar a antiga Casa da Gandarinha, em Sintra, num hotel de cinco estrelas desrespeitou o embargo decretado pela câmara por duas vezes. A situação, explica a câmara de Sintra ao PÚBLICO, “consubstancia crime de desobediência e como tal foi participada junto dos Serviços do Ministério Público da Comarca de Lisboa Oeste, correndo nos termos processo de inquérito”. O embargo foi decretado pela câmara de Sintra a 15 de Fevereiro de 2019, na sequência de uma fiscalização à obra, durante a qual foram “detectadas desconformidades com o projecto aprovado e licenciado”. No entanto, os trabalhos continuaram." [notícia integral]

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários devem observar as regras gerais de “netiqueta”. No âmbito da moderação em vigor, serão eliminadas mensagens ofensivas, difamatórias, xenófobas, pornográficas ou de cariz comercial.